Carregando...

AMBBotão Menu

AMB pede visto brasileiro para magistradas e familiares afegãs

Renata Gil tratou a pauta com o presidente da Comissão de Relações Exteriores, deputado Aécio Neves

A presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Renata Gil, se reuniu com o presidente da Comissão de Relações Exteriores, deputado Aécio Neves (PSDB-MG), nesta quarta-feira (25), para pedir visto brasileiro para magistradas que exercem a atividade no Afeganistão e seus familiares, após o Talibã ter retomado o controle do país.

A presidente Renata Gil solicitou ao parlamentar que interceda em favor de estratégias que garantem proteção e acolhimento às juízas afegãs e seus familiares. O apelo foi feito depois do deputado Aécio Neves enviar um ofício aos ministérios da Justiça e Segurança Pública e das Relações Exteriores para que o Brasil emita vistos temporários aos cidadãos afegãos, em especial, mulheres e crianças.

“Nos causa perplexidade e preocupação a situação das mulheres afegãs. As ameaças aos direitos fundamentais conquistados após anos de luta impõem a necessidade de uma ação imediata. Como mulheres, devemos potencializar suas vozes”, afirmou Renata Gil.

A AMB tem acompanhado as repercussões do acontecimento e somado esforços para que as juízas sejam resgatadas do regime. Há uma semana, a entidade divulgou apoio ao comunicado emitido pela União Internacional de Magistrados (UIM) que pede proteção às magistradas, que nos últimos 20 anos, lutam pela consolidação dos princípios do Estado de Direito e da Independência do Poder Judiciário no Afeganistão.

Daiane Garcez (Ascom)

 

ASSOCIADO