Carregando...

AMBBotão Menu

Nota de pesar pela morte da magistrada Mirtes Brum

| Ascom

Mirtes morreu durante cirurgia nesta sexta-feira (26)

A Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) lamenta profundamente a morte da magistrada Mirtes Brum que não resistiu a cirurgia de câncer de pâncreas na manhã desta sexta-feira (26). A presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Renata Gil, lamentou a perda. “Desejo força à família. Meus profundos sentimentos. A morte da magistrada é uma grande perda para o Judiciário, sobretudo do Rio Grande do Sul”, disse.

Mirtes iniciou sua jornada profissional em Santana do Livramento e atualmente estava lotada em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, como magistrada da Infância e da Juventude.

A Associação Brasileira de Magistrados da Infância e Juventude (Abraminj), entidade de direito privado que reúne mais de 800 integrantes, também manifestou pesar. “Mirtes foi um profissional exemplar e brilhante, que dedicou mais de vinte anos de sua carreira à causa. Aos familiares e amigos, externamos nossos mais sinceros sentimentos de paz e solidariedade”, diz o documento.


Ascom AMB

AÇÕES PARA OS ASSOCIADOS