Carregando...

AMBBotão Menu

Nota de apoio à juíza Wania Regina Gonçalves da Cunha

Nota de apoio - Mário Devienne Ferraz

“A AMB se solidariza com a magistrada Wania Regina Gonçalves da Cunha, que de forma arbitrária e com clara intenção de cerceamento de sua independência jurisdicional, está sendo processada por ter negado a saída temporária de um apenado com reconhecido grau de periculosidade e, consequentemente, um evidente perigo à sociedade.

Este é um exemplo da grave distorção causada pela chamada Lei do Abuso de Autoridade, que tem servido como um mero instrumento de pressão à magistratura, oferecendo aos réus uma carta branca para moverem o sistema judicial em seu favor contra aqueles que aplicam a lei em nome do Estado.”

Renata Gil
Presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB)

Campanhas e Eventos