Homenagem foi promovida pelo governo do Estado, pela prefeitura municipal e pela OAB-RJ

Nesta segunda-feira (13), foi realizada a cerimônia em homenagem aos 20 anos de atuação do ministro Gilmar Mendes no Supremo Tribunal Federal (STF), no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ). O evento contou com a participação de autoridades dos três Poderes do Estado e da presidente da AMB, Renata Gil.

A solenidade foi organizada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), pelo governo estadual, pela Prefeitura do Rio, e pela OAB-RJ.

Na cerimônia, o ministro foi condecorado com três medalhas, além dos títulos de Cidadão Honorário do Município e do Estado do Rio. “A reunião de hoje demonstra a importância e o valor que Vossa Excelência tem para nós, cariocas e fluminenses. Os senhores, novos juízes, terão a honra e o privilégio de acompanhar essa aula magna. Lembrem do compromisso que prestaram na posse: de seguir fielmente a Constituição Federal e as leis. O ministro Gilmar Mendes é um grande exemplo desse compromisso”, disse o presidente do TJ-RJ, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira.

Após a solenidade, o ministro Gilmar Mendes ministrou aula magna aos 52 novos juízes do TJ-RJ, aprovados no XLVIII concurso para ingresso na Magistratura de carreira. Ele também deu conselhos à nova geração de magistrados.

"O primeiro é que ser independente é fundamental para um juiz. O outro conselho é que estejam atentos aos seus jurisdicionados, que estejam presentes na comarca. Hoje nós temos a questão do trabalho em home office, principalmente no pós-pandemia, mas considero essencial a presença do juiz no local do seu trabalho. Portanto, cumpram esse dever básico que certamente contribuirá para a credibilidade da Justiça”, finalizou.


Carlos Ribeiro (Ascom AMB)

Gostou? Então compartilhe!