Carregando...

AMBBotão Menu

Atuação da AMB fomenta e fortalece debate sobre temas de grande repercussão

Renata Gil destaca Reforma Administrativa entre outros assuntos com a imprensa e entidades

 

A atuação da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) sobre temas atuais e de ressonância cada vez mais ganham peso e conquistam espaço nos canais de comunicação. Nesta quinta-feira (01), a presidente Renata Gil foi convidada para participar de programas de rádio e internet para discutir Reforma Administrativa e violência doméstica, entre outros assuntos.

Em entrevista à Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), em comemoração ao Livro “Abrafarma 30 Anos”, a presidente falou sobre os impactos da “Sinal Vermelho” como nova cultura de enfrentamento à violência doméstica no Brasil. A campanha institui o “X” vermelho na palma da mão como forma das vítimas de pedirem socorro aos estabelecimentos comerciais. A instituição é parceira da AMB nesta iniciativa de proteção à mulher.

Na Rádio Band, a magistrada e os desembargadores Oseas David Viana e Nelson Calandra trataram de vários temas como prerrogativas da magistratura, o papel do juiz criminal no Estado Democrático de Direito e a nova Estratégia Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação do Poder Judiciário (ENTIC-JUD), apresentada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Ao programa “Pensamento Jurídico da Associação dos Magistrados Mineiros (Amagis), a conversa com o jornalista Orion Teixeira foi sobre a opinião defendida pela presidente da AMB de que um terço das vagas do STF seja ocupado por juízes de carreira. A PEC 32/2020 – Reforma Administrativa, em tramitação no Congresso Nacional, também entrou na pauta. A entrevista será disponibilizada no dia 7 de julho nos canais de comunicação da instituição.


Daiane Garcez (Ascom)

AÇÕES PARA O ASSOCIADO