Carregando...

AMBBotão Menu

1º de maio: Dia do Trabalhador e de reflexão sobre a dignidade do servidor público

Na maior crise sanitária da história, a produtividade do Judiciário ultrapassa a marca de 1bilhão e 350 milhões de movimentações processuais

A pandemia da covid-19 tem desafiado o mundo pensar fora do habitual. O Sistema de Justiça tem percorrido uma jornada heroica para fazer essa travessia histórica e inusitada. De acordo com Conselho Nacional de Justiça (CNJ), de março de 2020 até agora, são mais de 1 bilhão e 350 milhões de movimentações processuais, mais de 29 milhões de sentenças e acórdãos, são quase 46 milhões de decisões e aproximadamente 79 milhões de despachos.  Quantidade perplexa de demandas da nação nas costas do servidor público para garantir a prestação jurisdicional à população.

Em meio aos percalços da covid-19, a Reforma Administrativa tem ameaçado a dignidade do trabalhador e a qualidade do serviço público com o fim da estabilidade, o princípio da subsidiariedade e a terceirização irrestrita.

Para a presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Renata Gil, a Proposta de Emenda à Constituição nº 32, de 2020, nada dispõe a respeito da magistratura.

“Uma proposição legislativa não pode incidir sobre a organização do Judiciário, tampouco sobre as prerrogativas de seus membros”, avaliou.

A AMB tem articulado  com os três Poderes contra a desnaturação da carreira de Estado.

“Estamos participando ativamente das discussões por entender que o enfraquecimento das carreiras de Estado, independentemente do Poder a que pertençam, reflete na qualidade dos serviços prestados à sociedade – o que é inadmissível”, afirmou a presidente.

Para o Dia do Trabalhador vale a reflexão sobre a dignidade do servidor público ao garantir o direito do cidadão.

Para o vice-presidente da AMB de Assuntos Legislativos Trabalhistas, Maurício Paes Barreto Pizarro Drumond, a grandeza de uma nação está diretamente relacionada ao trabalho e a produção.

“O trabalho dignifica o ser humano. O Poder Judiciário através dos seus magistrados, permanentemente faz valer as regras  do respeito, da segurança e da dignidade em suas relações. O Dia do Trabalho representa a valorização do esforço humano em prol de uma coletividade”, afirmou.

Assista ao vídeo:


Jonathas Nacaratte (ASCOM)

AÇÕES PARA OS ASSOCIADOS