Associação dos Magistrados Brasileiros
AMBBotão Menu

AMB participa da reunião de transferência da coordenação da Frentas da Ajufe para ANPR

Na última reunião da Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público (Frentas) a coordenação passou a ser, pelos próximos seis meses, do presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), José Robalinho Cavalcanti, seguindo o rodízio tradicional estabelecido pelas lideranças. Até então a coordenação estava com o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Roberto Veloso. O juiz Leonardo Trigueiro, da Secretaria de Assuntos Legislativos da AMB, representou a entidade durante a reunião nessa terça-feira (6).

O presidente da ANPR agradeceu a oportunidade de liderar o trabalho durante o primeiro semestre deste ano e salientou o progresso da Frentas. “Crescemos em importância e em capacidade de administração. Hoje, é clara a relevância de trabalharmos juntos no Parlamento e em outras instâncias”, ressaltou. Para Robalinho Cavalcanti, uma das estratégias a serem defendidas é criar alternativas e ao mesmo tempo resistir. “A união do grupo é fundamental para vencer os desafios que surgem a cada dia. É um período que precisamos de inteligência, resiliência e paciência. Estamos sob ataques múltiplos em várias áreas diferentes”, frisou.

Ao transferir o cargo, Roberto Veloso agradeceu pela atuação conjunta realizada pelas associações. “No período em que coordenamos a Frentas, lutamos batalhas importantes que representaram uma pauta comum”, afirmou, desejando sucesso a Robalinho Cavalcanti.

Por sua vez, Leonardo Trigueiro comentou o trabalho implementado e desejou êxito ao novo coordenador durante a gestão. “Reconhecemos o que foi realizado pelo Veloso a frente da coordenação. Foi um período extremamente conturbado em um contexto muito difícil para a magistratura e para o MP, mas ele conseguiu desempenhar extremamente bem sua missão e representar os interesses da Frentas. Também desejo sucesso ao Robalinho na certeza de que é um grande articulador e conhecedor das causas da magistratura e do MP. Também saberá conduzir os destinos da Frentas, ele que tem como uma grande característica uma visão otimista e está sempre em busca de soluções e de uma saída, mesmo nesse contexto extremamente complicado.”

O presidente da AMB, Jayme de Oliveira, já havia destacado a trajetória de Roberto Veloso na coordenação da Frentas durante o ato pela valorização da magistratura e do Ministério Público e contra a reforma da Previdência, promovido no último dia 1º. O dirigente afirmou, ainda, “ter absoluta convicção de que Robalinho Cavalcanti também dará sequência a esse trabalho que ocorre na Frente Associativa em plena harmonia com as associações integrantes”.

*Carolina Lobo
*Com informações e fotos da Ascom/ANPR e Ascom/Ajufe

Campanhas e Eventos